Pronto Atendimento Saúde Gestante é entregue e funcionará dentro da Santa Casa em Pinda

Pindamonhangaba ganhou uma unidade do Pronto Atendimento Saúde Gestante, voltado exclusivamente para as gestantes assistidas pela Rede Municipal de Saúde da cidade, que não mais precisarão ir até o Pronto Socorro convencional.

A unidade funcionará na Santa Casa de Misericórdia, que apresenta no mesmo espaço, maternidade, UTI neonatal e ainda e é preparada para atendimento de urgência e emergência 24 horas por dia, sete dias por semana, com ginecologista de plantão e retaguarda de pediatria.

O Pronto Atendimento Saúde Gestante fica dentro da Santa Casa de Misericórdia de Pindamonhangaba, localizada na Rua Major José dos Santos Moreira, 466 – região central de Pindamonhangaba.

São José dos Campos ganha hospital com 180 leitos de alta complexidade

O governador Geraldo Alckmin entregou nesta segunda-feira, 2, o novo Hospital Regional de São José dos Campos, construído por meio de modelo de PPP (Parceria Público-Privada). O complexo é voltado ao atendimento de média e alta complexidade, principalmente nas especialidades de traumatologia, ortopedia, neurologia e cardiologia.

Durante o evento, Alckmin destacou o novo modelo para construção e operação do hospital. “Quero destacar, aqui, o trabalho inovador. É a primeira PPP no setor hospitalar, onde o parceiro privado constrói, equipa e opera a bata cinza, que é toda a parte não médica, por 20 anos e o Estado continua prestando todo o atendimento médico à população”, explicou o governador.

A nova unidade oferece 180 leitos, dos quais 40 de UTI, e oito salas cirúrgicas, além de serviço de apoio diagnóstico por imagem, endoscopia e terapia. O hospital tem 33 mil m² de área construída e possui alto nível de resolução e grande capacidade de atenção às urgências. O atendimento será voltado a pacientes do SUS (Sistema Único de Saúde).

O Hospital Regional de São José dos Campos será responsável pela geração de cerca de 1.700 novos empregos na região. Quando estiver funcionando em plena capacidade, a unidade vai oferecer, por ano, 10.000 internações, 5.000 cirurgias, 3.000 consultas e realizar 20 mil exames. Como toda nova unidade de saúde, os serviços são ativados gradativamente, por etapas.

Para o secretário de Estado da Saúde de São Paulo, David Uip, o novo hospital será de grande importância para ampliar a assistência hospitalar aos moradores da região. “Sem dúvida, uma grande conquista para a saúde pública e para a população local, reforçando a assistência hospitalar aos usuários da rede pública de saúde”, afirma.

Dos R$ 217 milhões investidos no novo hospital regional, 60% foram provenientes do Governo do Estado, via empréstimo do BNDES, e 40% provenientes da Inova Saúde, empresa do grupo Construcap, parceiro privado. O Hospital Estadual de São José dos Campos está localizado entre a Rua Icatu e a Avenida Goiânia, no bairro do Parque Industrial, zona sul da cidade.

Hospital Regional de São José abre novo processo seletivo para 7 cargos

O Instituto Sócrates Guanaes, atual gestor dos serviços assistenciais do Hospital Regional de São José dos Campos, abrirá novo processo seletivo emergencial para contratação imediata e formação de cadastro de reserva de profissionais para a unidade.

As vagas em aberto são para enfermeiro (pediatria), lactarista, nutricionista clínico, técnico de aparelho gessado, técnico de farmácia, técnico de radiologia e técnico de enfermagem do trabalho.

A inscrição ficará aberta apenas nos dias 3, 4 e 5 de abril, das 9h às 16h, no Cefe (Centro de Formação do Educador), que fica na Avenida Olivo Gomes, 250, em Santana. Os interessados devem comparecer ao local munidos da ficha de inscrição e dos documentos (original e cópia).

O processo seletivo terá prova de conhecimento técnico para cada área de atuação, conhecimentos em informática e entrevista coletiva. Todas as etapas são classificatórias e eliminatórias. Não serão cobradas taxas dos candidatos. As provas começarão a partir de 11 de abril e as entrevistas a partir de 18 de abril.

Segundo a entidade, o processo visa complementar o quantitativo de vagas para sete cargos não preenchidos no processo seletivo anterior. O hospital tem inauguração oficial prevista para a primeira semana de abril.

Pindamonhangaba é uma área de risco

Se ainda não se vacinou corra para um dos postos da cidade.
CISAS (Moreira César) – Rua Maria Luiza M. Salgado S/N – Moreira César – DAS 7H30 ÀS 16H
CIAF/SAÚDE DA MULHER (UBS Centro) – Rua João Gama. 115 – S. Benedito (Centro) – DAS 7H30 ÀS 16H

FEBRE AMARELA MATA! VACINE-SE

A VACINA É GRATUITA.

Médicos afirmam que Pinda corre risco de epidemia de febre amarela

Pindamonhangaba está no corredor do vírus da febre amarela. A afirmação foi feita pela médica da Vigilância Epidemiológica de Pindamonhangaba, Dra. Elizabeth Bassi Puebla da Nobrega, durante palestra promovida pela Secretaria de Saúde para médicos e enfermeiros da rede, nesta semana. Ela informou que a cidade está em área de risco, cercada por pontos com presença de matas e alto índice de mosquitos, aumentando as chances de uma epidemia de febre amarela em humanos.
Já foram confirmados casos nas cidades vizinhas, como São Bento do Sapucaí, Santo Antonio do Pinhal e São José dos Campos, mas nessas cidades grande parte da população está aceitando se vacinar.

Aliado ao fato do macaco encontrado morto, na última semana, na trilha das Borboleta (Ribeirão Grande), e que está com suspeita de ter sido contaminado pela doença, é possível que Pindamonhangaba venha a ter casos autóctones de febre amarela nos próximos em dias, a não ser que a população se imunize, de acordo com médicos. O vírus está próximo, por isso Pindamonhangaba corre risco de epidemia.

Até o momento, pouco mais de 30% da população foi vacinada, restando de 90 a 100 mil habitantes que ainda não se preveniram. “É necessário alertar e chamar atenção dos médicos e enfermeiros também, que tem que vacinar. Fale para os seus amigos e alerte as pessoas, precisamos da sua consciência. Vamos fazer mais esforços para conseguir proteger a cidade”, destacou a dra. Elizabeth.

A médica ressalta que tomar a vacina é a única proteção possível diante da gravidade da doença. “O Brasil não possuía casos urbanos desde 1942, sendo apenas casos silvestres, para que não haja novamente uma epidemia é necessário que a população participe e tenha consciência da importância da imunização”, completou.

Sobre uma das principais dúvidas da população, que é a possível reação adversa da vacina, a médica explicou que de 2 a 4% das pessoas possuem sintomas leves e que a reação mais grave é a viscerotrópica, mas apenas acontece de 1 em 1 milhão de vacinados, sendo rara. “Então, nada justifica não tomar a vacina, sendo que há chances de 40 a 50% de óbito se a pessoa pegar a doença”, afirmou.

Desde janeiro, a Prefeitura de Pindamonhangaba vem adotando diversas medidas para vacinar a população, com vários locais, horários diferenciados, ônibus da Saúde, ações em fábricas, até mesmo com equipes casa a casa na área rural. E, mesmo assim, somente 31,96% ou 44.283 pessoas se vacinaram.

Neste fim de semana, a Secretaria Municipal de Saúde manterá a campanha de vacinação contra a febre amarela, dando mais uma oportunidade para aqueles que ainda não se imunizaram. As equipes da Saúde estarão no sábado (24) na Praça Monsenhor Marcondes, das 8h às 16h, e no domingo (25), das 7h às 13h, próximo ao Mercado Municipal.

Durante a semana, as principais unidades de vacinação são o CIAF/Saúde da Mulher e CISAS de Moreira César, que funcionarão até as 17 horas.

Pindamonhangaba terá atendimento de emergência especializado para gestantes

Nos próximos dias, Pindamonhangaba terá o Pronto-Socorro de Ginecologia e Obstetrícia, voltado exclusivamente para as gestantes assistidas pela Rede Municipal de Saúde da cidade. O serviço segue a proposta do prefeito Isael Domingues para a humanização no atendimento na Saúde e acolhimento das gestantes.

De acordo com a secretária de Saúde, Valéria dos Santos, o "Pronto-Socorro da Gestante" está sendo criado para dar uma atenção especial às grávidas. "Nossa intenção é proporcionar um espaço adequado para o atendimento das gestantes, para que elas não precisem ir até o pronto-socorro convencional, onde podem estar sujeitas a infecções, por exemplo", explicou. "No Pronto-Socorro da Gestante, haverá atendimento especializado e, por isso, mais agilidade, o que faz a diferença para salvarmos vidas dos bebês e das grávidas".

O "Pronto-Socorro da Gestante" também é o espaço adequado para o atendimento de recém-nascidos com até 28 dias de vida, evitando também que essas crianças precisem passar pelo PS convencional, caso apresentem algum problema de saúde.

A proposta da Prefeitura é que o "Pronto-Socorro da Gestante" seja inaugurado, no máximo em 30 dias.

O Pronto-Socorro de Ginecologia e Obstetrícia será implantado na Santa Casa de Misericórdia, que apresenta, no mesmo espaço, a maternidade referência da cidade e a UTI neonatal. O "Pronto-Socorro da Gestante" estará preparado para atendimento de urgência e emergência 24 horas por dia, sete dias por semana, com ginecologista de plantão e retaguarda de pediatria e do médico da UTI neonatal.

A assinatura do novo convênio entre a Prefeitura e a Santa Casa para a implantação do "Pronto-Socorro da Gestante" foi realizada na última segunda-feira (26), no gabinete do prefeito Isael Domingues, com a presença dos representantes da Santa Casa, da Secretaria de Saúde da Prefeitura, do Comus e da comissão de Saúde da Câmara Municipal. "Esse espaço para atendimento exclusivo das gestantes era uma proposta que vinha desde o início de nossa gestão e vai somar aos nossos projetos de humanização na Saúde. Com o novo pronto-socorro específico para as grávidas e recém-nascidos, organizaremos o atendimento e, com certeza, salvaremos muitas vidas", destacou o prefeito.

Em Pinda, Cpic, Caps AD e ambulatório de saúde mental terão novos endereços

A partir desta terça-feira (20), o Cpic, o Caps AD e o ambulatório de saúde mental estarão funcionando em novo endereço, para melhor comodidade e atendimento da população.

O ambulatório da saúde mental passará a funcionar na rua Albuquerque Lins, 245, São Benedito, em frente à Receita Federal. Por se tratar de uma casa, o local oferece um ambiente mais acolhedor e confortável para os pacientes.

A unidade do Caps AD (Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas) passará a funcionar na rua Major José dos Santos Moreira, 28, São Benedito, pois o local também possui toda a estrutura receptiva necessária para acomodar os pacientes.

Já o CPIC (Centro de Práticas Integrativas e Complementares) irá retornar para o prédio que foi construído originalmente para atender as suas atividades, na rua Dr. José Luís Cembranelli, 1005, Parque das Nações, onde também funciona a Secretaria de Saúde. O local conta com toda a estrutura necessária, como espaço para horta e cozinha. As atividades do Rosa – Roda de Saberes – e a REP – Roda de Estudo de Plantas, continuarão a ser desenvolvidas normalmente, além da novidade Tai Chi Pai Lin, que terá início em março. Todas as atividades do Cpic são gratuitas e abertas à população.

Hospital Regional de São José abre novo processo seletivo na quinta-feira

O Instituto Sócrates Guanaes, atual gestor dos serviços assistenciais do Hospital Regional de São José dos Campos, vai abrir nas próximas quinta (15) e sexta-feira (16) um novo processo seletivo emergencial para contratação imediata de profissionais e formação de cadastro reserva para a unidade. O primeiro processo seletivo terminou nesta quinta-feira (8).

Os cargos disponíveis são: nutricionista clínico; técnico de radiologia (experiência em tomografia e ressonância); técnico de farmácia e lactarista. Os salários variam de R$ 1.250 a R$ 2.500.

O Instituto Sócrates Guanaes é responsável pela "bata branca" do novo hospital. Os serviços assistenciais – tudo o que é ligado à assistência ao paciente, como consultas, cirurgias e tratamentos –ficará a cargo desta Organização Social de Saúde.

Inscrições
As inscrições para esta nova seleção do Instituto Sócrates Guanaes ficarão abertas apenas nos dias 15 a 16 de fevereiro, das 9h às 15h, na Unesp – Campus São José dos Campos (Auditório) - Av. Engenheiro Francisco José Longo, 777 – Jardim São Dimas – São José dos Campos – SP CEP:12.245-001.

Mais informações no endereço eletrônico: www.isgsaude.org.

Outro processo
A SPDM (Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina) também está com processo seletivo aberto para o Hospital Regional. Os currículos devem ser enviados para e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. (no campo assunto colocar o cargo a que está se candidatando). A SPDB fará a contratação dos profissionais da "bata cinza", que é de responsabilidade da Inova Saúde.

As vagas são para Gerente de Almoxarifado, Auxiliar de Almoxarifado, Auxiliar de Farmácia, Auxiliar Administrativo, Assistente Administrativo, Coordenadora de Enfermagem CME, Enfermeira CME, Técnico de Enfermagem CME, Técnico de Transporte CME, Gerente de Farmácia, Farmacêutico, Auxiliar de Farmácia, Gerente Administrativo, Assistente Administrativo, Jovem Aprendiz, Gerente de Hotelaria Hospitalar, Supervisor de Hotelaria Hospitalar, Auxiliar Administrativo, Engenheiro Ambiental, Gerente de Portaria, Gerente de Qualidade, Analista de Qualidade, Coordenador de Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU), Assistente SAL, Supervisor de Telefonia, Telefonista, Plantonista Administrativo, Gerente de Unidade de Alimentação e Nutrição (UAN) e Auxiliar Administrativo (UAN).

Taubaté inicia envio de SMS a pacientes da Rede Municipal de Saúde

A Prefeitura de Taubaté inicia, a partir desta quinta-feira, dia 8 de fevereiro, o serviço de envio de mensagens de SMS para pacientes atendidos pela Rede Municipal de Saúde.

As mensagens serão encaminhadas por celular para a confirmação do agendamento de consultas com especialistas e exames, bem como avisos de cancelamento e alertas sobre faltas.

A prioridade é reduzir as faltas nos procedimentos, que chegam a 30% em alguns casos, além de dar mais conforto aos usuários da rede pública e permitir um atendimento com maior qualidade.

 

Clima

Go to top